14 de julho de 2009

Alguem avisa o mundo que eu nao quero crescer?!


To começando a ficar assustada. Quem algum dia disse que eu quero crescer? Esse mundo adulto, cheio de drama, de responsabilidades, de deveres e bem poucos direitos, já esta me assombrando, mas minha mente ainda não esta preparada para ele.
Por mais que eu fuja, que eu corra incessantemente, que eu chore e implore a Deus que me mantenha adolescente por mais uns vinte anos, as responsabilidades insistem em chegar. Por mais que a minha mente diga que não estou preparada pra isso, quando o despertador retumba pela manha, ela pensa “Só mais cinco minutinhos.”, minha alma se inquieta, precisa levantar da cama, precisa viver as responsabilidades que o mundo está impondo. E assim eu passo meus dias, lutando entre o que a cabeça pensa, e o que a alma sente. A cabeça diz: “Não quero trabalhar, quero continuar na minha vida de estudante”, minha alma responde “Te mexe guria, o mundo ta girando lá fora, e tu precisa agir”.
To ficando com medo de não conseguir tomar conta de mim mesmo, to com medo de não conseguir tomar todas as rédeas da minha vida, to com medo de ter que cumprir muitos deveres e acabar tendo poucos direitos.
Mas ao mesmo tempo, nada disso está sendo imposto pelas pessoas, quem esta impondo isso é o mundo. E a minha alma esta dizendo que é hora de seguir em frente, de entrar em contato com uma vida nova, de seguir adiante porque infelizmente não posso ter vinte anos pra sempre.
MEDO MEDO MEDO

13 comentários:

Fran disse...

"A gente cresce, não tem mais carinha de anjo, eo mundo não parece tão inocente..."
Queria ter meus 17 eternamente :(

Bjão Flor!

Márcio disse...

amor eu sei q as coisas q estão acontecendo estão t dando medo,mas ñ fica com medo a vida aqui fora ñ tão divicel como parece.é complicada mas ñ divicel.mas c vc precisar vc pode pedir uma ajuda pra tua mãe e tua avó.e tbm eu to aqui pra t ajudar.mas vai com calma q vc c acustuma com a vida aqui fora.

Lih...Amarante disse...

estou assim,
com esse turbilhão em mim!
Será um efeito colateral dos 'vinte e poucos anos'???
Bjo

Tommy disse...

Gabi, dá uma escutada na música Paciencia do Lenine, acho que ajuda! bjooos

Juliana Noronha disse...

nossa tenho sentido ese medo da vida adulta tb... mas uma hora temos q crescer ne!?

Versatilidade: junoronha.blogspot.com

- Nessa ਏਓ disse...

Vc tem 20 anos?
Eu tenho 17 e os meus pensamentos sobre crescer são tão parecidos...
Então vc quer dizer que os meus pensamentos não irão mudar.
AHA:
Já sei vamos para a TERRA DO NUNCA.
lá ninguém cresce. Vamos??
Quem nós derá q fosse assim tão simples.
Maas não podemos escolher crescer e evoluir faz parte da vida.

Beijos :*

livia disse...

eu mesmo que faço... adoro!
facu do que vc faz?
vc gostou?
bjosss

Nicenhah disse...

Idem.. conhe "sindrome do peter pan" ?

feliz era o Michael Jakson q viveu pra sempre na terra do nunca.. eiauhiaheih

- Nessa ਏਓ disse...

Respondendo o seu comentáriio:
É viiva a verdadeira amizade as falsas eu também dispenso. :)

Feliz Dia do Amigo (meio tarde).

Fran disse...

Amadaa
Da uma passadinha no meu blog: tem um selinho la praa você :)

Beeijão!

- Nessa ਏਓ disse...

Teem selinho para vc lé no meu blog.
Esperando ansiosa próximas postagens.

Beijinhos :*

maris disse...

Nem me fale....

Nesses ultimos dias tenho pensado muito nisso, como era bom fazer o que dava na cabeca, ser irresponsavel...heheheh...bons tempo que agente fazia o que queria sem se preucupar com o amanha...tipo vivendo um dia apos o outro....mas ai os anos passam e as responsabilidade aumentam...e temos que adaptar ao sistema que fugimos durante anos...
Parece que escrevesse isso pra mim...pois é exatamente com estou me sentindo nos ultimos dias....
So tem um jeito...vamos para a terra do nunca...heheheheh

beijosssss

reynald0 disse...

Eu não caibo mais nas roupas que eu cabia.
Eu não encho mais a casa de alegria.
Os anos se passavam enquanto eu dormia.
E quem eu queria bem me esquecia.

Será que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém, dizia?

Eu não vou, me adaptar ...

Eu sempre lembro com carinho da época em que tinham boas músicas como essa dos Titãs tocando no rádio.

Porque eu fui crescer?

Linda postagem, vou seguir com carinho este blog. Um beijão bem especial. Rey